Sobre

REGO

  • Ronaldo Pereira Rego, nascido na cidade do Rio de Janeiro  em 1935 é escritor, dramaturgo, conferencista. Além de pintor, gravador, ceramista e escultor.
  • Primeiros estudos artísticos em São Joãodel Rey – M. G.
  • No Rio de Janeiro, estudou pintura a óleo em 1966 com Oswaldo Teixeira, no Curso Livre de Pintura da Escola de Artes Visuais (antigo Instituto de Belas Artes do Estado da Guanabara)
  • Estudos de Gravuras e Técnicas Afins com o gravador e pintor húngaro  Gèza Heller
  • Exposição de pintura na Galeria de Arte do IBEU, Rio de Janeiro, RJ, em 1971, com apresentação de Gèza Heller
  • Participação no XVIII Salão “Arte e Pensamento Ecológico” no Palácio da Cultura, Rio de Janeiro, RJ, em agosto de 1978
  • Coletiva na Galeria do IBEU, Rio deJaneiro, RJ, com gravuras, em junho de 1979 , apresentação do crítico Cravo Albin
  • Mostra comemorativa do Ano Internacional da Criança na galeria do IBEU, Rio de Janeiro, R.J., em 1979, “A Criança como Tema”.
  • Individual na Galeria de Arte da AABB, Rio de Janeiro, RJ, com a apresentação do crítico Antônio Bento, em outubro de 1979.
  • Projeto Arco Íris, MEC-FUNARTE, Rio de Janeiro, RJ, gravuras, em 1980
  • VI Salão de Ribeirão Preto, SP, com gravuras, em junho de 1981- prêmio de aquisição.
  • Workshop com o professor e gravador Henry Goetz no Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro, RJ, em 1981
  • Coletiva na Galeria Cândido Mendes, Rio de Janeiro, RJ, com gravuras, em julho de 1981, com apresentação crítica de Antônio Bento
  • Coletiva na Galery of Latin American Art, na IBM Tower, Atlanta, Georgia, USA, com gravuras, em abril de 1988
  • Participação com construções em Fer Forgéna exposição “Magiciens dela Terre”, no Musée d’Art Moderne, Paris, França, em maio-agosto de 1989
  • Exposição de gravuras e aquarelas na Galerie Debret, em Paris, França, em 1989
  • Participação no Projeto “Tendentse”, da Oficina Alessi em Milão e Crisinallo, Itália, em 1990.
  • Mostra “Amigos da Oficina”, na Galeria Maria Teresa Vieira, Rio de Janeiro, RJ, com acrílica sobre papel, em 1991.
  • Mostra “Rio Natureza Viva”, evento oficial de ECO-RIO/92, no Clube de Engenharia, Rio de Janeiro, R.J., com gravura e tableau-objet em madeira e ferro, em 1992.
  • Individual na Frankfurter Kunst Verein, em Frankfurt, Alemanha, com instalação, gravuras e esculturas em ferro e madeira, em 1994
  • Individual na Galeria dos Correios, em Brasília, DF, com instalação com esculturas e gravuras, em novembro de 1995.
  • Mostra “DeLa Côte  des Esclaves à la libération”, no Museu Nacional de Copenhagem,  Dinamarca, junho-julho de 1996. –Escultura e objeto.
  • Espaço Cultural Laura Alvim, Rio, Individual com Instalação e objetos, esculturas em madeira, ferro e terracota – Junho/97.
  • Museé National des Arts d’Afrique et d’Océanie – Mémoires Vaudou – Coletiva – Paris, France – setembro 97
  • II Encontro da Cultura Brasileira – Heranças Africanas – Ibirapuera Pinacoteca – Mostra
  • Museu Nacional de Belas Artes, Rio , Jul/98  – “Ilê Orixá” – individual
  • BRASIL – 500 anos de Artes Visuais – Ibirapuera – São Paulo – SP – Abril / Setembro 2000 – Mostra do Descobrimento
  • Siegburg StadtMuseum – Arte/Identidade – 4 artistas brasileiros – Siegburg – Alemanha – Junho/Julho 2000.
  • Casa França Brasil – Rio – Out/Dez 2000 – “Negro de Corpo e Alma” – Esculturas/Objetos.
  • Museum Kunst Palast – Düsseldorf – Instalações – 2 altares no contexto do projeto Altäre der Welt – Alemanha, Setembro/2001.
  • Guggenheim Museum – New York – Setembro/2001 e Bilbao, Março/2002: no evento “Brazil – Body and Soul” – Esculturas /Objetos.
  • Museu Histórico Nacional – Mostra “Para nunca Esquecer – Negras Memórias, Memórias de Negros” – Curadoria de Emanoel Araújo – Nov/2001 – Rio.
  • II  FAN – Casa do Conde – “Árvore da Memória”  – B. Horizonte – 2003.
  • Arte e Metafísica –  coletiva – Instituto Tomie Othake – S. Paulo – Nov/2003  e Museu Nacional de Belas Artes,  Fevereiro de 2004 com curadoria de Paulo Herkenhoff
  • Musée Bourdelle – Les Toiles et L’Archer – de Claude Rutault – Coletiva – Gravura –Paris – 2005
  • Réplica e Rebeldia – Museus de Arte Moderna do Rio e Lisboa –  Patrocínio: Instituto Camões-Ministério das Relações Exteriores de Portugal.
  • Diversidade Religiosa no Brasil – FAAP – Palácio dos Arcos – Brasília, DF –Out.2006
  • Bienal de Valência, Espanha – 2007- Esculturas – Tableau-objet
  • Festival de Ouro Preto – Fórum das Artes – 2007 –  Esculturas “os Doze Elegbás’ Bronzes.
  • FESO – PRO ARTE – O Imaginário do Oculto –  Esculturas e gravuras –Teresópolis -2008
  • Fundição Progresso – Memoriais da Lapa – Pinturas  s/tela – e noite autógrafos-Rio, Nov. 2010

Obras, fazendo parte dos seguintes acervos:

  • Museu Nacional de Belas Artes – FUNARTE, Rio de Janeiro, RJ,
  • Museu de Arte de Ribeirão Preto, SP
  • Fine Arts School – Escola Internacional, Atlanta, USA
  • Museu de Arte Moderna, Paris, França
  • Museu da Gravura de Curitiba, Paraná
  • Coleção Christiani Nielsen, Copenhagen, Dinamarca
  • Pinacoteca do Estado de São Paulo, São Paulo, SP
  • Acervo do BNDES, Rio de Janeiro – Recife
  • Acervo do Instituto de Pesquisas  Jardim Botânico do Rio de Janeiro
  • Haus der Kulturen der Welt – Berlim – Alemanha.
  • Le Casino de Lagrasse – Collection Céres Franco – Lagrasse – França.
  • Centro Cultural José Bonifácio – Rio.
  • Museu AFROBRASIL – Ibirapuera – São Paulo

Além de outras coleções particulares no Brasil e no exterior.

Referências Bibliográficas:

  • Dicionário Brasileiro de Artistas Plásticos, Tomo IV, Instituto Nacional do Livro – MEC
  • Jornal o Globo, Rio de Janeiro, RJ, depoimento publicado em agosto de 1971
  • Revista da AEC, reportagem Imagens do Metal, Rio de Janeiro, RJ, publicada em setembro de 1981
  • Guia Internacional de Artes, 2ª edição, Leo Christiano Editora, Rio de Janeiro, RJ,
  • Cahier nº 28, Musée d’Art Moderne, Paris, França, maio de 1989
  • Atlas-Catalogue “Magiciens dela Terre”, Édition du Centre Pompidou, Paris, França, 1989
  • Petit Journal, Éditions du Centre Pompidou, Paris, França, 1989
  • Infos Brésil, Centre National des Lettres, Paris, França, junho de 1989
  • Revista de arte “Galeria”, edição especial da Bienal de São Paulo, São Paulo, SP, set-out/91, idem nº 27
  • La Fabrica Estética, de Alessandro Mendini, Edições Meroni, Lissone, Itália, 1992
  • Le Courrier, UNESCO,  Paris, França, edição de outubro de 1993
  • Afro-Brasilianische Kultur und Zeitgenössiche Kunst, Câmara Brasileira do Livro, Ed. Cia. Melhoramentos, São Paulo, S.P. e Frankfurt, Alemanha, 1994
  • Os Herdeiros da Noite, catálogo, Pinacoteca do Estado de São Paulo, Raízes Artes Gráficas, São Paulo, SP, 1995
  • Rego e o Imaginário da Umbanda, por Paulo Oliveira, Editora DBA, São Paulo, SP, set/95
  • Revista Caleidoscópio, edição nº 7, Brasília, DF, 1995
  • Jornal de Brasília, edição de 10/11/95
  • Jornal “Orixás Africanos”, edição nº 34, 1995
  • Jornal “Orixás Africanos”, edição nº 36, 1996
  • The Brazilian Gazette, London/Rio, edições nª 118 e 119, 1996
  • Jornal “Correio da Bahia” – Artes Plásticas – Salvador – 03.07.97
  • Revista “Orixás & Africanos” – Edição  nº 42 – Rio – Julho/97
  • A Herança Africana na Arte Brasileira  – (estudo) por Mariza Guimarães Dias, Rio -1997
  • Orunmilá – Jornal de Cultura Negro-Brasileira – no.10 – Rio -1997
  • Arte e Religiosidade no Brasil – edições Pinacoteca – S. Paulo – 1997
  • Jornal “PRO ÁFRICA” – Nº 1 – Março/Abril 2000 – Entrevista.
  • “O Fenômeno da Arte Afrodescendente” – Um estudo das obras de Ronaldo Rego e Jorge dos Anjos – por Maria Cecília Félix Colaça – Dissertação de Mestrado, Universidade Estadual de São Paulo – UNESP – São Paulo, 1999.
  • “Arte Afro-Brasileira” – Edição da Associação Brasil 500 anos de Artes Visuais – ISBN 85-87.742-03-5 – Abril/2000 – S. Paulo.
  • “Negro de Corpo e Alma” – Edição da Associação Brasil 500 anos de Artes Visuais – ISBN 85-87.742-13-2 – Abril/2000 – S. Paulo.
  • Arte/Identidade – de Dr. Frank GüntherZehnder – Herausgeber: Gert Fischer – Rheinlandia – Verlag – StadtMuseum, Siegburg, Alemanha.
  • DER SPIEGEL – nº 24 de 12/Jun/2000 – reportagem c/ foto.
  • Anos 70 – por Maria Elisa Carrazzoni – Editora Papel Virtual – Rio – Ago/2000.
  • Uma Interpretação Psicológica do Sincretismo Religioso – por Paulo Alberto de Oliveira Pacini – 2000 – Tese de Mestrado – UF
  • Altäre – Kunst Zum Niederknien – editado pelo Kunst Museum Palast, Düsseldorf, Hatje Cantz Verlag, Alemanha, 2001.
  • “Brazil – Body and Soul” – edições Guggenheim Museum Publications, N. York, NY,  2001 – ISBN-0-89207-251-2.
  • “Para Nunca Esquecer” – edição MINC-IPHAN – Pinacoteca – Editora Takano – S. Paulo, SP – 350 pág.
  • A Relíquia – Revista Informativa de Marchands, Colecionadores e Leiloeiros do Rio de Janeiro – nº 48 – Jun/2002 – Entrevista.
  • O Imaginário Luso-Afro-Brasileiro – EXPOMUS – S. Paulo, 2003
  • Na Trama Espiritual da Arte Brasileira –  por Paulo Herkenhoff – Instituto Tomie Othtake –  São Paulo 2003
  • Claude Rutault – Les Toiles et L’Archer – éditions des Cendres – Musée Bourdelle – Paris – 2005
  • Arte Pró-Museu – catálogo editado pelo museu Afrobrasil – São Paulo, 2006
  • Réplica e Rebeldia –  Antonio Pinto Ribeiro- Instituto Camões – Lisboa – 2006
  • Diversidade Religiosa no Brasil – FAAP – São Paulo – SP -2006
  • Arte Africana & Afro-Brasileira – de Dilma de Melo e Silva e Maria Félix Calaça – Editora Terceira Margem – São Paulo-SP-2006
  • Arte Afro-Brasileira – de Roberto Conduru – Editora COM/Arte – Belo Horizonte-MG-2007.
  • Encuentro entre dos Mares – Editado por Fundación dela ComunidadValencianaparala Promociónde las Artes Contemporáneas – Generalitat Valenciana –Espanha- 2007
  • New Center, Old Periphery: Race, Identity, and Regional Thematic Influences in Afro-Brazilian Art, by Ph.D. Kimberly L.Cleveland- Thesis –University of Iowa – USA – 2007
  • Memoriais da Lapa – Ensaio – Ronaldo Rego –Edição Sacra Oficina – Petrópolis –RJ -2010 E Ilustrado com pinturas do autor – Originais expostos na Fundição Progresso – Nov.2010- Rio

CONFERÊNCIAS

  • Museu do Índio – Casa  das Palmeiras – Rio,  novembro/ 97
    • Haus der Kulturen der Welt  – Berlim – Symposium “Estética e Religiosidade Afro-Americana” – Janeiro/98
    • Arte e Religião – Ciclo sobre Tradição – Ilê Asé Awon Èlèdumare – Abril/2002 – Rio, RJ.
    • Estética e Negritude no Brasil Contemporâneo –CIDAN – na ABI – dia 15 dez 2009
    • Conferência para os formandos em antropologia da Universidade de Georgetown – Petrópolis-RJ – 2010.

Premiações, Comendas, Moções, etc.:

  • Medalha de Bronze – gravuras – 3ª Mostra de Artes da Associação Brasileira de Desenho, na ABI, em junho de 1979
  • Medalha de Prata – 2º Salão de Escultura e Artes Gráficas da Sociedade Brasileira de Belas Artes, Rio de Janeiro, RJ, em 1979
  • Medalha de Bronze e Menção Honrosa – 2º Salão de Artes Plásticas de São João de Meriti, RJ, em 1979
  • Medalha de Ouro – 3º Salão da Primavera da Sociedade Brasileira de Belas Artes, Rio de Janeiro, RJ, em 1979
  • Medalha de Bronze – 1ª Mostra de Arte Internacional ABD, na Academia Brasileira de Letras, Rio de Janeiro, RJ, em 1979
  • Menção Honrosa – 5º Salão de Belas Artes da AAFBB, Rio de Janeiro, RJ, em outubro de 1979
  • Medalha de Bronze – 5º Salão de Artes Plásticas da PM do Rio de Janeiro, sob patrocínio da FUNARTE e Academia Brasileira de Belas Artes, Palácio da Cultura, Rio de Janeiro, RJ, em abril-maio de 1980
  • Medalha de Prata de carreira – Mostra de Arte da Associação Brasileira de Desenho e Artes Visuais da ADM/MEC no Palácio da Cultura, Rio de Janeiro, RJ, em maio de 1980.
  • Medalha de Bronze – Mostra de Artistas Premiados na Câmara Municipal do Rio de Janeiro, RJ, em junho de
  • Moção de Congratulações da Câmara Municipal do Rio de Janeiro -05.11.2002
  • Moção de Congratulações da Câmara Municipal do Rio de Janeiro-2209.2008
  • Comendador da ordem “Ad Immortalitatem Parvenimus” conferido pela Academia Brasileira de Belas Artes, onde ocupa a cadeira no.31.

VÍDEOS    E   CD-ROM

– Imaginaria da Umbanda -1991  –  edição Langoni , Rio
– Encontro com Pintores Brasileiros – 1992 – Estúdios Vídeo/Comex -Ltda. NTSC
– Exposição dos Correios – Nanã Boruku -Brasília, 1995
– Oratórios – Casa de Cultura Laura Alvim – 1997 – Anjos Produções Ltda. Rio
– CD-ROM – Mémoires Vaudoues – edité par Version Originale –  Productions – Paris , 1996
– “Umbanda em Transe” – vídeo – Produção e Direção -Rio/97
– O Brasil Afrodescendente – Midiatronics – Charles Murray – Rio – 2000.
– Fête Anuale d’Hommage à Exu dans I’llê Awon Omo Élèdumare – CD-ROM, que fez parte da instalação Altäre, Düsseldorf – Set/2001 – Produção e direção: Rego – edição: Anjos Produções – em francês e português.
– CD-ROM e DVD – Sacra Oficina 30 anos – Jan/2005 – Anjos Produções – Rio
– Memoriais da Lapa – Intervenção com grupo de atores durante lançamento do ensaio e exposição de pinturas acrílicas sobre a Lapa. – Fundição Progresso -2010-Anjos Produções – Em português.

Obras do autor publicadas:

– Amor de Violeta – conto – 1954 – Correio da Manhã – revista Singra
– Imaginário da Umbanda -1995 – (Org.) Ed.Dórea Books & Art – São Paulo- SP
– Ilê Orixá – 1998 (Org.) – Ed. Sacra Oficina – Rio
– Memoriais da Lapa – Ensaio – 2010 –Ed.Sacra Oficina – Petrópolis, RJ-Ilustrada pelo autor
– A Ceia – Peça teatral musicada em 3 atos e um epílogo -2011 – Ed.Sacra Oficina –Petrópolis-RJ
– A Morta de Tel Aviv – coletânea de contos –Ilustrada pelo autor – Ed.Sacra Oficina- 2011 -Petrópolis-RJ

Rego or only REGO, is a Brazilian artist

who works as painter, printingmaker, sculptor and ceramist. He has participated in more than sixty exhibits around  his country as well as abroad.  His work was influenced in the last three decades by Afro-Brazilian religions, where he was iniciated.  He lived in the outskirts of Rio and this gave him a wide field for his researches and the  results  were recognized as important and original.  In 1989, the French Museum of Modern Art  of Paris invited him to join other artists of all over the world in the  “Magiciens de la Terre”, a large and important production.  This Event was accepted as a landmark in visual arts  in the world.
Ronaldo Rego also wrote a theatre play, essays and a collection of short stories and are now preparing new books, most of them illustrated by him.  He moved his atelier-residence to the mountainous side of Rio.  In the last years he has been invited to do lecturers and conferences involving social anthropology.  He belongs to the Brazilian Academy of Fine Arts (Chair no.31) and was honored by many Institutions.